[Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por Thopson1m em Seg 13 Maio 2013, 20:26

Olá a todos, estou inaugurando uma nova série, chamada Momento Descontração, que reflitirá sobre diversos assuntos, muitos envolvendo o mundo dos jogos de uma forma geral, ou bem específica.
A de hoje fala sobre a Indústria de Jogos: Estaria ela bem ou teria um problema ainda não percebido por muitos? É o que veremos a seguir:

Muitos n estão percebendo, mas a nossa querida indústria de jogos está em crise..
Mas o que seria essa crise??? A crise é justamente a carência de títulos novos e criativos..

'Mas mano, tu tá falando idiotice! A indústria dos jogos segue firme e forte!!!'

Será mesmo? Vendas dos atuais consoles e portáteis está, ao primeiro momento, indo bem, mas os espertos notarão que silenciosamente está decaindo para o limbo/cemitério..

Essa indústria está começando a sofrer do mesmo mal da irmã indústria cinematográfica: falta de novidades, mais do mesmo e cópias diretas, no melhor do lema 'Nada se cria, tudo se copia'..

Mas temos uma esperança..e eles são os desenvolvedores indies!!!
Estes são aqueles que como não estão trabalhando em grandes empresas de jogos, estão livres para seguirem com tudo conforme sua criatividade dita..

Mas serão eles capazes de trazer essa indústria de volta aos tempos dourados? Pois apesar de estarem ajudando a re-erguer essa indústria doente nas costas, a mesma meio que está rejeitando sua ajuda, pois MUITOS títulos indie, que são de qualidade a nível dos jogos das empresas, sofrem preconceito por não terem gráficos avançados da nova geração..

A fanboysse está gerando brigas desnecessárias, desfocando do foco principal que deveria ser: jogar.
Antes todos os gamers se mantinham somente jogando e eram felizes, agora brigam para ver qual consoles/portátil é melhor/mais potente que o outros..

Outro mal são os jogos caça-níqueis e os DLCs..

Os jogos caça-níqueis são aqueles que apesar de aparentemente parecerem uma boa escolha, escondem armadilhas mortais..
São os tipos:

- Pagos: Você paga pelos jogos, mas percebe que eles estão incompletos, pois você nota que lançam DLCs (que são Downloadable Content, ou seja, Conteúdo Baixável) que são, em sua grande maioria, pagos, do que gratuitos..

-'Gratuitos': Você baixa o seu jogo querido, aí joga e fica tudo de boa..até você ver que precisa esperar tal tempo para prosseguir.., ou então pague para progredir imediatamente,. Esses são, em sua maioria, ainda nos Sistemas Operacionais Móveis, mas pouco em pouco estão indo para os consoles e portáteis gamers..

Ou seja, a moda da vez é: ou você compra o jogo incompleto, e paga pelo que já deveria estar (CAPCOM, isso seria com você?), ou baixa e deve pagar para ter um gameplay decente como era antigamente..

Eu, sendo sincero, já larguei os jogos de empresas como Nintendo, Sony e Microsoft..
Pois não sei quanto a vocês, mas eu estou vendo o brilho dos jogos antigos ir sumindo rapidamente e mortalmente..
Exemplo? A própria Nintendo e seus New Super Mario Bros da vida.., ela os lança quase que toda vez, e eles nem vêm com mudanças justificativas que justifiquem tais lançamentos..

Eu estou e parei na geração Nintendo 3DS e Sony PS Vita.., e o próximo console que eu comprarei e que tem potencial, é o Ouya ( que é tema para futuras versões do Momento Reflexão)!

Mas vocês não se perguntam: o que estaria faltando para os consoles e portáteis chamar mais a atenção do público e não ser mais do mesmo, e assim, continuar vivendo?
Seria deixar um pouco de lado a parte de se focar só em jogos, para dar mais espaço para o lado multimídia que os últimos lançamentos de consoles e portáteis tem potencial para tal? Seja rodando vídeos via streaming/Netflix ou localmente, vendo fotos, compartilhando tudo nas redes sociais? Ou seria se integrar totalmente com tudo o que a internet tem a oferecer?

Qual a opinião de vocês a respeito disso que escrevi e sobre o que está acontecendo com a indústria de jogos?

Thopson1m

Número de Mensagens : 624
Idade : 26
Data de inscrição : 21/05/2011
Reputação : 16
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

http://gnbr.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por MagnetBomber em Seg 13 Maio 2013, 20:29

Isso veio da nossa conversa chatbox né?

MagnetBomber

Ranking : Nota C
Número de Mensagens : 206
Idade : 15
Data de inscrição : 07/04/2013
Notas recebidas : C
Reputação : 9
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por Thopson1m em Seg 13 Maio 2013, 20:32

#MagnetBomber

Também, mas principalmente de uma conversa que estava tendo com o Gonçalves via Facebook.
Diga aqui sua opinião a respeito para todos poderem ver! Very Happy

Thopson1m

Número de Mensagens : 624
Idade : 26
Data de inscrição : 21/05/2011
Reputação : 16
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

http://gnbr.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por MagnetBomber em Seg 13 Maio 2013, 20:58

Concordo plenamente.
O Jogo New Super Mario Bros. 2 (n3DS) por exemplo,
tem 10 DLCs!

MagnetBomber

Ranking : Nota C
Número de Mensagens : 206
Idade : 15
Data de inscrição : 07/04/2013
Notas recebidas : C
Reputação : 9
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por JooJ em Seg 13 Maio 2013, 21:39

CONCORDO! você ver Call of Duty e Assassin's Creed todo ano tem um novo! vish, acho que a ubi e a activision deveriam criar uma franquia nova, até agora uma empresa que nunca me desepcionou e sempre traz novidades é a VALVe, tudo bem que todos os jogos dela é FPS, mas cara, Half-Life e sua história e armas muito boas, Left 4 Dead e seu sistema de sobrevivência levado ao limite (sou muito fã desse jogo kkk) Portal e seus quebras cabeças muito divertidos e irritantes algumas vezes (sem falar daquela música dos créditos) e o todo poderoso Counter-Strike, o FPS mais tático que já joguei. também gosto de jogos de outras empresas como Battlefield que tem um multiplayer viciante, mas realmente muitos jogos não tem criatividade e você só ver copias de COD, copias de Gears of War e copias de Deus da Guerra ( GoW) acho que por isso que a VALVe se sai bem, pois quase todos os seus jogos são feitos por empresas indies e a VALVe se interesa e vai lá e compra os direitos desses jogos, por isso que a VALVe é minha produtora prefeira de jogos :3

JooJ

Número de Mensagens : 20
Idade : 20
Data de inscrição : 13/05/2013
Reputação : 2
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por Thopson1m em Seg 13 Maio 2013, 21:46

#MagnetBomber

Sim, e desses, somente 1 é gratuito, já o resto.. :/

#JooJ

Sim, isso mesmo.
As empresas podem criar jogos 3D divertidos, basta quererem. Deixar tudo na costa dos indies para depois ir comprar a série é pilantragem, já que eles meio que só se aproveitam dos indies para progredir, e isso eu acho errado.
Como vc disse, atualmente só a Nintendo e a Valve se salvam, infelizmente.. :/

Thopson1m

Número de Mensagens : 624
Idade : 26
Data de inscrição : 21/05/2011
Reputação : 16
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

http://gnbr.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por KinKing em Seg 13 Maio 2013, 21:51

A indústria de jogos independentes está cada vez mais forte.

É um contraste total com os jogos mainstream, onde ninguém quer arriscar nada, afinal um jogo de milhões de dólares não pode correr o risco de simplesmente desaparecer.

Já os indies geralmente são criativos, originais. Por terem um custo muito menor eles podem ser feitos por simples paixão ou serem o emprego das pessoas envolvidas.

A decadência de conteúdo existe nos jogos mainstream, mas definitivamente não nos independentes!

KinKing

Número de Mensagens : 416
Data de inscrição : 29/05/2008
Reputação : 16
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

http://felipejoys.webnode.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por Thopson1m em Seg 13 Maio 2013, 22:04

Isso mesmo, amigo.
Mas como a indústria principal representa 90% das vendas de 'peso', logo, os indies serão realmente a diferença, mas eles não podem usar e nem abusar do sistema de compra dentro do jogo.

Thopson1m

Número de Mensagens : 624
Idade : 26
Data de inscrição : 21/05/2011
Reputação : 16
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

http://gnbr.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por Mr.Rafael em Seg 13 Maio 2013, 22:41

Aproveitando a discussão, coloco aqui uma opinião minha também...

Opinião:
Depois da 6ª geração de consoles, a indústria de jogos começou a andar de ré: foram-se os unlockables e os enredos longos e detalhados para darem espaço aos DLC's e títulos descartáveis. Sabe de quem foi a culpa? Pois é, do Xbox.

Façamos um pequeno flashback de volta à 6ª geração: o PS2 simplesmente destruiu todos os seus concorrentes a ponto de competir sozinho durante a geração inteira. A Sega já vinha quebrada por causa do Saturn (que foi um bom console... pena que só no Japão), e o Dreamcast foi o mentor do auge dos gráficos que vemos hoje. Infelizmente, no tempo em que as pessoas já migravam do CD para o DVD, 1GB de espaço não era tão legal...

A Nintendo não quis se arrisar com os 32-bits e preferiu ganhar a geração antiga com o SNES. No entanto, na hora de acompanhar o passo, errou duas vezes: por querer continuar usando cartuchos (N64) e por querer resistir ao uso do DVD com os mini-CD's (GC). Ela não faliu, mas vimos que, para uma empresa que prezava tanto por gráficos e sons de primeira classe no SNES, chegar dizendo que "são voltados ao público casual" é meio que querer ficar longe dos "gigantes", não é?

Agora chegamos ao problema: a Microsoft. O Xbox original, apesar de ter sido um fracasso, criou o culto de que os consoles deveriam ser iguais aos PC's. A Xbox live também permitia às empresas que elas vendessem conteúdo adicional, antes entregues de graça aos jogadores de PC através de patches ou mesmo o Steam.

Bom, a Sony nem estava ligando. Para dizer a verdade, a Sony estava tão despreocupada que logo tratou de lançar um modem e uma rede (PSN), um jogo meia-boca que suportasse multiplayer (Killzone) e investir em tecnologia para seu próximo projeto. Fui meio irônico nessa, hein? Pois é, a indústria de jogos deixou de focar o software para dar prioridade total ao hardware. Não importa o quão retardado seja o consumidor: o que tiver mais RAM, mais processamento e mais espaço de armazenamento leva o dinheiro do rapaz (mesmo que ele nem saiba para que isso serve).

E assim surgiram o Xbox 360 e o PS3, com seus jogos estufados de DLC's e com sequências anuais. O single-player agora é coisa do passado: o negócio é jogar online, reclamando dos problemas do jogo. Naturalmente, os jogadores deveriam exigir que consertassem o jogo atual, não é? Mas não, ao invés disso eles exigem que os desenvolvedores lancem outro jogo com estes problemas já corrigidos! Vai entender...

Mas aí vem alguém e me fala: "os jogos indies vão salvar a indústria". Não, não vão. Eles já foram iludidos pelo dinheiro, tal como qualquer outra empresa de grande porte...

Querem um exemplo? Olhem para Minecraft. Ele já FOI indie, não é mais. Tecnicamente talvez até pode ser, mas quantos desenvolvedores indie assinam contratos "amigáveis" de exclusividade com o Xbox? Quantos desenvolvedores indie fazem conferências do próprio jogo? Pois é... só o pançudo Marcus Persson, que nem faz mais parte do desenvolvimento do jogo. Para tapear um pouco, eles colocam uma ou outra coisa inútil no jogo (um bloco de esmeralda, vacas-cogumelo), para ninguém reclamar dos problemas visíveis do jogo. Para mim isso aí já é típico de uma empresa de jogos AAA.

E o Android? Pois é, galerinha, se esquecemos daqueles belos aparelhos caros e descartáveis que fazem você se sentir um idiota por não ter um celular tão grande que nem cabe no bolso. Com certeza existe uma vasta gama de jogos bons por lá!

Acho que o melhor jogo atualmente é o Angry Birds e... epa, peraí: o primeiro é desatualizado, acho que o melhor agora deve ser o "Space", não é? Bom, continuando, tem outros jogos muito bons como Fruit Ninja... opa! Esse aí já está obsoleto, a moda agora é Jetpack Joyride, não é? Não? Então é aquela porcaria chamada Temple Run?

Se sacaram o que eu quis dizer: enquanto os jogos já ficam obsoletos muito rapidamente nos consoles, nos dispositivos móveis a coisa piora ainda mais! Estes jogos também estão colocando mais tranqueiras para serem compradas com dinheiro real, tornando o jogo incompleto e trazendo de volta os velhos sharewares. E para finalizar: mais da metade desses jogos são copiados de ideias já consagradas anteriormente. Se você possui um celular bom e que tenha o mínimo de utilidade, é mais econômico experimentar jogos online que usem o mouse.

Esta 8ª geração tem a obrigação de causar um novo crash dos videogames. A única coisa que eu vejo sobre o PS4 é sobre o hardware dele. O "novo Xbox" nem foi anunciado, mas só vejo falarem de conexão constante e também de gráficos. Sinceramente: se eu fosse embarcar nesta geração, o único console que pegaria seria o Wii U, que trouxe um controle bem inovador. Se eu quero gráficos de última geração, uso meu PC.
o/

Mr.Rafael

Ranking : Nota A
Número de Mensagens : 383
Data de inscrição : 05/10/2010
Notas recebidas : A-C-B-A
Reputação : 57
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 1
   : 2

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por Thopson1m em Seg 13 Maio 2013, 23:06

#Mr.Rafael

Eu concordo com quase tudo que você disse..
A única parte que não concordo é sobre os Indies se renderem ao $$$..
Na boa, quem faz jogos para eles serem gratuitos e/ou não darem feedback financeiro? A questão é quando gananciam demais e começam a abusar do sistema de compras dentro do jogo.
O resto está de boa, hehe.

Thopson1m

Número de Mensagens : 624
Idade : 26
Data de inscrição : 21/05/2011
Reputação : 16
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

http://gnbr.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Momento Reflexão] Indústria dos Jogos

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 07:17


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum