Conectar-se
Quem está conectado
26 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 25 Visitantes

makgamer

Ver toda a lista


Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
Ranking : Nota C
Notas recebidas : C+B
Data de inscrição : 26/07/2008
Número de Mensagens : 6037
Insígnias de JAM :

Insignia 1x 0 Insignia 2x 0 Insignia 3x 0
Reputação : 288

Prêmios
   :
   :
   :
Ver perfil do usuário

Exemplos de buffer

em Sex 21 Mar 2014, 23:28
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)

  • Título:  Exemplos de Buffer
  • Versão do GM:  GM Studio
  • Dificuldade:  Intermediário
  • Link para download da Engine:  N/A
  • Requer Extensões: Não
  • Requer DLLs:  Não
  • Tags: buffer, exemplos, studio, networking, write, read

Exemplos de buffer

Esse artigo continua o artigo "Buffer, tudo sobre". Aplica-se ao GM:S e tem dificuldade moderada. Não vem acompanhado de engine e não requer extensões e DLLs. Trata-se de uma tradução livre (adaptada) do original encontrado no Help do GM:S.



Edit (fredcobain): Para este tutorial é fundamental o estudo do primeiro tutorial sobre buffers deste mesmo autor. Para acessá-lo, clique AQUI.

Então, vamos começar?

Criando checkpoints

A função game_save_buffer pode ser usada em qualquer plataforma-alvo. Essa função salva o estado atual do jogo em um buffer, que pode então ser lido para carregar o jogo nesse estado novamente.

NOTA: a função é muito limitada e serve principalmente para iniciantes, visto que usuários avançados podem preferir fazer seu próprio sistema usando as funções de arquivo, já que recursos dinâmicos criados em tempo de execução, como data structures, surfaces, backgrounds e sprites não serão salvos.

A primeira coisa que nós precisamos fazer é criar um novo objeto que se encarregará de salvar e carregar o jogo. Aproveite e adicione no evento Create o código:

Código:
Buffer = buffer_create(1024, buffer_grow, 1);
Salvou = false;

A primeira linha cria um buffer de 1kb que cresce ("grow") automaticamente quando necessário, visto que não sabemos quanta informação será salva. Ele tem um alinhamento de 1 byte.

A variável "Salvou" nos indicará se o jogo já foi salvo ou não. Assim poderemos carregar sem problemas.

Quando você for salvar o jogo, deverá usar o código:

Código:
Salvou = true;
buffer_seek(Buffer, buffer_seek_start, 0);
game_save_buffer(Buffer);

Primeiramente é indicado que o jogo foi salvo. Depois indicamos que queremos escrever no começo do buffer, visto que por padrão os dados são escritos no final do buffer. E, por último, salvamos o jogo no buffer (escrevemos o estado do jogo nele).

Quando você quiser carregar o jogo, deverá usar o código:

Código:
if (Salvou)
   {
   buffer_seek(Buffer, buffer_seek_start, 0);
   game_load_buffer(Buffer);
   }

NOTA: Isso é só um checkpoint, ou seja, deve ser usado numa mesma room. Nesse caso, não dá para para salvar o jogo por inteiro. Quando reiniciar o jogo, já era. Até porque temos que limpar o buffer antes de fechar o jogo, para não floodar a memória.

Então, no evento Room End, você deverá colocar:

Código:
buffer_delete(Buffer);

Buffers de rede

Os buffers podem ser usados para guardar informações que serão enviadas na rede. Vejamos então a criação e o uso dos buffers no lado do jogador. Então, em algum evento Create, você coloca:

Código:
buff = buffer_create(256, buffer_grow, 1); //256 bytes, cresce automaticamente, alinhamento de 1 byte

Agora, digamos que queremos enviar dados para o servidor. Nesse caso, precisaremos criar um packet. Vamos colocar no evento Key Press -> Space:

Código:
buffer_seek(buff, buffer_seek_start, 0); // vamos para o começo do buffer
buffer_write(buff, buffer_u8, 1); // escrevemos o número 1, que será o ID da mensagem
buffer_write(buff, buffer_s16, vk_space); // escrevemos o valor da tecla
buffer_write(buff, buffer_bool, true); // escrevemos o valor booleano true
network_send_packet(client, buff, buffer_tell(buff)); //

O ID da mensagem serve para sabermos qual mensagem estamos enviando. Escrevemos o nome da tecla e então "true", que indica que ela está sendo pressionada.

NOTA: Não enviamos o buffer inteiro, mas apenas o que foi escrito. Lembre-se que buffer_tell() indica onde a escrita terminou.

Para receber a informação no servidor, usamos o evento Networking Asynchronous em um objeto escolhido.

Código:
var buff = ds_map_find_value(async_load, "buffer");
if (buffer_read(buff, buffer_u8)==1) // se é a mensagem esperada (1 é o ID dela)
   {
   key = buffer_read(buff, buffer_s16 ); //pega o nome da tecla
   key_state = buffer_read(buff, buffer_bool); //pega o valor (no caso vai ser true)
   }


NOTA: Não é necessário usar buffer_delete() nesse evento, visto que o buffer é deletado automaticamente.

Chegamos então ao final de mais um tutorial sobre buffers. Espero que tenham entendido bem. Se tiverem dúvidas, me disponho a responder.

Até mais!
Data de inscrição : 29/05/2012
Número de Mensagens : 929
Insígnias de JAM :

Insignia 1x 0 Insignia 2x 0 Insignia 3x 0
Reputação : 33
Ver perfil do usuário

Re: Exemplos de buffer

em Sab 22 Mar 2014, 10:23
bem interessante, mais é dificil aplicar mesmo em um exemplo simples, sempre quis saber como fazer um quadradinho se mexer e alterar um numero qualquer no meu pc e ver ele se alterar no celular ao mesmo tempo, bom vou sonhar com esse dia..  
Ranking : Nota C
Notas recebidas : C+B
Data de inscrição : 26/07/2008
Número de Mensagens : 6037
Insígnias de JAM :

Insignia 1x 0 Insignia 2x 0 Insignia 3x 0
Reputação : 288

Prêmios
   :
   :
   :
Ver perfil do usuário

Re: Exemplos de buffer

em Sab 22 Mar 2014, 10:36
O GM:S vem com um exemplo de jogo multiplayer online. É só compilar para Windows e Android e testar.
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum