bio - historia terminada

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

bio - historia terminada

Mensagem por dan mira em Ter 17 Ago 2010, 18:34

bom dia a todos... bom, eu estou escrevendo uma estoria para um possivel futuro projeto no gm(dei uma parada agora pq to lotado de coisa pra estuda.. tah sinistro :| ).

intão... antes de vocês lerem o que eu escrevi, tenho que falar que a ideia não foi minha, foi do GHA, eu só trabalhei a ideia dele um pouco mais. o tópico de tah aqui pra quem interessar em ler: http://www.gamemakerbrasil.com/ideias-e-enredos-f33/politica-perfeita-t9455.htm


bom... eu já escrevi bastante coisa, intão o tópico deve ficar um pouco extenso, espero que vocês não se importem de ler e é claro dar sua opinião.

obs. o texto pode estar mal formatado ou com palavras escritas erradas, então não liga não em galera Happy (até hoje eu não sei como coloca paragrafo nisso Mad )

A historia foi escrita pensando em um jogo de aventura e RPG....

Para não ficar muito grande, eu fiz um resumo de como a estoria começou, é bem pequeno. só clicar.
Spoiler:

Com o desenvolvimento na área biotecnológica, muitas empresas conseguiram avanços consideráveis em tecnologia, e uma delas conseguiu ir mais longe, essa foi as empresas bio. As empresas bio lançaram uma nova tecnologia chamada de Projeto Vienna.

O Projeto Vienna apresentava uma forma totalmente nova de ser adquirir conhecimento, dispensando horas e horas gastas estudando por somente uns segundos de download e algum tempo de prática, funcionava da seguinte maneira:
Vamos supor que uma pessoa qualquer queira aprender a tocar violão, ao invés de essa pessoa gastar muito tempo fazendo aulas de violão era apenas faria o download desse conhecimento através de uns óculos especiais direto para sua mente, e então ele só teria que praticar tocar violão.

Com isso houve uma divisão entre as pessoas no mundo, as que tinham dinheiro para utilizar o projeto vienna e as que não tinham.

As que tinham dinheiro adquiriram muito conhecimento e com muita rapidez, fazendo cada vez novas tecnologias, para facilitar seu dia-a-dia, mas as que não tinham dinheiro perderam seus empregos e por falta de dinheiro tiveram que afastar das cidades morando no campo e vivendo da agricultura e pecuária.

Esses dois conjuntos de pessoas cresceram e se desenvolveram cada um a sua maneira.
Até que as cidades passaram a se chamar megalópoles, e a área dos campos passou a se chamar vale. E as megalópoles dependiam dos vales para ter alimentos, mas os vales não adotaram o projeto vienna e continuaram a adquirir conhecimento da maneira convencional.

E por se acharem mais inteligentes as pessoas das megalópoles passaram a desprezar os vales, tendo um relacionamento estritamente comercial com eles.

e aqui também tem a estória completa, quem estiver interessado em saber mais é só clicar

Spoiler:

bio


Com a globalização e o crescimento do mercado e da concorrência, muitas empresas procuravam cada vez mais inovar e levar ao consumido produtos cada vez mais sofisticados e que trouxessem comodidade e praticidade na sua utilização no dia-a-dia.

wilian gardner, um bem sucedido empresário, dono de uma das maiores empresas especializadas em biotecnologia, deu um grande passo comprando juntamente com outros grandes empresários 4 das melhores empresas especializadas em pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias cada uma em uma área específica, e fundiu-as formando uma só, cujo nome foi dado de bio.

Essa empresa desenvolveu grandes avanços tecnológicos e tornou-se a maior do mundo em seu ramo. e um dos grandes projetos que foi desenvolvido pela empresa bio foi o Projeto Vienna(nome provisório).

Como a empresa já era a maior no que fazia, houve grande ansiedade e entusiasmo quanto ao novo e tão esperado projeto.

Quando apresentado ao publico o Projeto Vienna fazia a promessa de revolucionar toda a forma de aprendizado que se teve até o dia. o Projeto Vienna seria assim: você faria download de informações de um computador através de um óculo especial direto para o seu cérebro. Por exemplo, se você quisesse aprender a tocar violão, ao invés de gastar meses e meses tento aula, você somente compraria essa informação e baixaria ela diretamente no seu cérebro através dos óculos especiais. Mas você teria que treinar para que seu corpo se adapte a tocar violão.

O Projeto Vienna causou grande polemica entre todos, muitos foram contra e muitos também foram a favor dizendo que esse era o começo do futuro.

O custo para se obter a informação variava de acordo com o que você quisesse, podendo chegar a milhões. Apesar de muitos serem contra e se recusarem a utilizar do projeto, o projeto vienna foi um sucesso, fazendo milhões de pessoas adquirirem conhecimento apartir dele.

Como conseqüência disso as pessoas que tinham dinheiro para utilizar esse método conseguiram adquirir mais conhecimento e ficaram mais inteligentes, chegando a ultrapassar a pontuação necessária de Q.I. para ser considerado um gênio, e com isso muitos novos avanços foram feitos em toas as áreas, fazendo com que e pudessem resolver problemas que antes não dava como o aquecimento global que foi detido e revertido. Fazendo com que as grandes cidades fossem se tornando cada vez mais modernas. Robôs cada vez mais inteligentes auxiliavam as pessoas em suas vidas.

Como conseqüência as pessoas que não tinham dinheiro para utilizar esse serviço, ficaram sem empregos porque os robôs passaram a exercer suas funções, e também trabalhos que antes eram fundamentas deixaram de existir como o de professor, por que agora as pessoas só precisavam ter um pouco de pratica para dominar os conhecimentos.
Então sem opção as pessoas sem emprego tiveram que migrar para os campos, pelo fato da vida nas grandes cidades se tornado de alto custo, e começaram a viver da agricultura e pecuária,
E quanto mais tempo passava mais era a diferença de conhecimento e cultura entre as pessoas das grandes cidades e as pessoas que viviam nos campos.

Então algumas das pessoas contrarias ao Projeto Vienna começaram a investir nas pessoas do campo, visando diminuir o abismo que já existia entre eles, e assim fizeram uma grande estrutura para que as pessoas do campo pudessem também se desenvolver, e ele ajudaram com tecnologias e apoio.

Com o passar do tempo, ficou extremamente visível o quanto as pessoas das grandes cidades evoluíram tendo cada vez mais conhecimento e tecnologias, e também se via que as pessoas do campo se desenvolveram, mas não graças ao Projeto Vienna, eles se aprimoravam naturalmente, visto que muitos não tinham dinheiro para poder usar-lo porque cada vez mais se aprimorava e ficava mais caro. Eles estudavam e passavam seus conhecimentos para os outros e aplicando nas suas vidas.

Então chegou uma época em que as pessoas das grandes cidades ao contrário do que eles esperavam, ficaram dependentes da matéria-prima e dos alimentos das pessoas do campo, então eles começaram a ter ressentimento contra eles, visto que se julgavam superiores e muito mais inteligentes. Então chegou um tempo que o relacionamento entre eles ficou restritamente comercial. Havia muito ressentimento de ambos os lados, mas ambos precisavam um do outro,

Então assim se formou dois pólos, dois modos de vida que com o passar do tempo ficavam totalmente diferentes, então as grandes cidades passaram a se chamar Megalópoles(nome provisório) e os lugares aonde as pessoas do campo ficavam passaram a se chamar Vales(nome provisório).

Megalópoles - governada por conselhos, que decidem tudo acerca da Megalópole e do seu relacionamento com os Vales.

As pessoas das Megalópoles são muito inteligentes, tem sua vida facilitada por uma série de tecnologias e robôs. são pessoas frias e mesquinhas cheias de si. Não gostam de perder para os outros porque se acham superiores a qualquer um, e não confiam em ninguém. Elas são normalmente tensas, gostam de estar sozinhas

Se tornaram totalmente dependentes do Projeto Vienna, utilizando sempre ara aprender alguma coisa nova.

Vales - governado por um ministro, e por um conselho que decide acerca dos Vales e do relacionamento com as Megalópoles.

As pessoas dos Vales são o contrario das pessoas das Megalópoles, são mais alegres e não se sentem melhores que os outros. Conseguem as coisas pelos próprios méritos. e tem vida longa. Tem mais amigos e maiores famílias que as pessoas das Megalópoles.

Não usam o Projeto Vienna, aprendem as coisas do jeito convencional e o que aprendem não passam para as pessoas das Megalópoles..

GILEADE

A estrada que interliga a megalópole de ibiza e o vale de ibiza são somente na área montanhosa, e por esse trajeto ser bastante extenso e perigoso, formou-se ali uma cidade em um belo vale entre as montanhas, para servir como descanso a quem viaja, ela ficou conhecida como gileade.
As pessoas de gileade são um meio termo entre as pessoas da megalópole e as pessoas dos vales, eles têm postos do projeto vienna, mas estão habituados a não utilizá-los. Eles são como um refugio para aqueles que querem fugir um pouco dessa loucura que esta o mundo. Eles tentam juntar o que tem de melhor entre os dois pólos.

Eles trabalham principalmente com hotelaria, a cidade é muito conhecida pelas suas variedades de hotéis. Para todos os tipos de pessoas, esse é o slogan publicitário da cidade.


Eu aconselho a pelo menos ler a versão resumida pra poder entender melhor a estória do jogo.


Estória


Eu dividi a estoria do jogo em capitulos para facilitar depois no desenvolvimento.

Capítulo 1
Prólogo

A primeira parte da historia do jogo se passa na Megalópole de Ibiza(nome temporário). Ela aborda todas as vantagens e desvantagens da vida nas Megalópoles e mostra como as pessoas ficaram dependentes do Projeto Vienna.

Nas Megalópoles ficou cada vez mais normal o integramento dos robôs no cotidiano das pessoas. Tanto que os robôs passaram a auxiliar as pessoas em várias tarefas e trabalhos, como no policiamento, na segurança, em tarefas de alto risco de vida e etc. Em alguns casos chegando até a ocupar o lugar do homem, tirando-lhe o emprego.
Isso começou a fazer com que as pessoas desempregadas das Megalópoles começassem a furtar comida, dinheiro e informação para sobreviver. E com o ajuntamento dessas pessoas e as informações que eram necessárias formou-se uma grupo, que lutava pelos menos favorecidos com toda essa evolução e desenvolvimento. Esse grupo passou a se intitular de a Resistência(nome provisório).

E a Resistência começou a causar muito problemas a empresa bio que já administrava todo o setor tecnológico, e que se tornava mais poderosa e influente no conselho decidindo grande parte das ações do mesmo.
A Resistência furtava principalmente informações(ou conhecimento), e assim conseguia obter comida ou qualquer outra coisa que fosse rackeando o sistema.
Tentando dar um fim a Resistência a empresa bio que já gerenciava a policia e segurança da Megalópole de ibiza, lançou um novo projeto, o Projeto Cy-bio(nome provisório) que instalava componentes eletrônicos em seres humanos aumentando grandemente seu desempenho físico e também liberando o acesso ao Projeto Vienna, assim qualquer um que participasse do Cy-bio poderia baixar informações diretamente no seu cérebro.
Grande parte dos policiais e seguranças entraram no Projeto Cy-bio visto que passou a ser o meio mais confiável para segurança. e como planejado pela empresa bio, a Resistência passou a ter problemas para conseguir roubar informações e outros tipos de coisas, tendo muitos de seus membros mortos ou capturados pelos policiais da Cy-bio.

Mas depois de algum tempo que o projeto Cy-bio estava ativo, notou-se que as pessoas que participavam dele começaram a ter efeitos colaterais, elas tinham apagões, perda de memória antiga e suas mãos tremiam. Mas as empresas bio não desativaram o projeto, e encobriram os efeitos colaterais mantendo-os em segredo.
Então começaram a acontecer assassinatos pela Megalópole, assassinatos cometidos pelos policias e seguranças do Projeto Cy-bio, quando eles tem apagões eles de alguma forma andam pela megalópole e ao encontrar alguma pessoa, eles a assassinam brutalmente.
E a empresa bio percebendo isso colocou a culpa desses assassinatos na Resistência, dizendo que eles que cometem tais atos.
Mas pouco a pouco a população começa a perceber que as empresas bio não são tão verdadeiras quanto dizem ser.

Então, depois de um longo tempo de luta e várias pessoas presas e mortas incluindo vários inocentes (o que deixou grande parte da população das Megalópoles traumatizada quando a enfrentar a empresa bio e seu Projeto Cy-bio). Os cyborgs da Cy-bio conseguiram acabar com a Resistência.
Após isso, a empresa bio que já gerenciava a maioria dos setores das Megalópoles, começaram a subornar o ministro do vale de Ibiza. Para que o Projeto Vienna fosse implantado também nos Vales, assim criando uma dependência das pessoas dos vales com o Projeto Vienna, e também, dessa forma as descobertas das pessoas dos Vales passariam a entrar no banco de dados do Projeto Vienna.

No começo houve muita repulsa por parte do povo dos Vales, mas como as decisões eram decididas por um conselho e pelo ministro, não houve muito o que fazer. Mas grupos de pessoas que não simpatizaram com o Projeto Vienna nos Vales começaram a se juntar.

Com a implantação do Projeto Vienna nos Vales, houve um grande desequilíbrio social que não havia antes nos Vales, porque, não eram muitos os que realmente tinham condições financeiras para usufruir dele(só as pessoas de classes sociais mais altas), deixando o resto do povo para trás porque só podiam adquirir os conhecimentos mais baratos. E sem contar que mesmo as pessoas das mais altas classes sóciais dos Vales muito dificilmente equiparar-se-iam em conhecimento com as pessoas das Megalópoles.

Capítulo 2
Novos tempos


A segunda parte da historia do jogo começa aqui, ela se passa no Vale de Ibiza(nome temporário). Ela conta como ficou a situação dos Vales depois da implantação do Projeto Vienna, e como se começou uma segunda Resistencia contra ele e as empresas bio.

Com o desequilíbrio social que o Projeto Vienna trouxe para os Vales, muitas famílias que antes eram amigas tornaram-se distantes e roncorosas umas com as outras. Muitas amizades de longos anos terminaram e houve muita competição.
Então, no meio dessa desordem, alguns poucos se juntaram e criaram uma Resistencia. Essa Resistencia diferente da anterior não tinha nem base nem conhecimento, só tinham força de vontade. E inacreditavelmente, a Resistencia com muito custo ia conseguindo destruir os postos do Projeto Vienna nos Vales, como a segurança destes postos era da policia das Vales e não da Cy-bio, era de certa forma muito mais fácil de invadir.
Depois de um tempo, a resistencia ganhou força e novas pessoas entraram para a luta, e por fim conseguiram destruir com muito esforço e com muitas baixas o ultimo posto do Projeto Vienna dos Vales.
Houve grande alegria por grande parte da população por um tempo. Mas as empresas bio culparam o ministro e o conselho pelas destruições, e o Vale teve que indenizar as empresas bio em milhões.
Assim, criou-se um atrito por parte do governo para com o povo, e ninguém mais podia ao menos comentar sobre a Resistencia nos Vales por que se o fizessem iam presos.
Após isso, as empresas bio negociaram a volta do projeto vienna aos Vales, só que agora a segurança era por parte da Cy-bio. Com isso, os posto fora re-instalados mas agora com muito mais estrutura e segurança(coisas como lasers e tal), e além disso agora o Projeto Cy-bio foi implantado também para assegurar que não haja mais ataques aos postos.
Com essa nova estrutura e segurança nos postos e a repressão parte do governo com a Resistência, houve muita dificuldade para poder se reunir e atacar, desanimando muita gente.
Então, a Resistencia viu que necessitava de muito mais conhecimento e informação do que tinha para poder tentar combater as empresas bio. Ela então começou a buscar alianças com algumas pessoas nos Vales e nas Megalópoles para conseguir informações e conhecimento, chegando até a enviar alguns poucos a Megalópole para aprender mais sobre as mesmas.

Capítulo 3
Gileade


A terceira parte da historia começa aqui. Essa parte mostra o que aconteceu na viagem das pessoas da resistencia que foram para as megalópoles passando por gileade.

Os poucos que foram para a megalópole de ibiza tiveram que passar por gileade, e eles que conheciam sua fama, ficaram até felizes por passar por lá.
Mas ao chegar lá se depararam com um regime militar feito pela megalópole, cyborgs da cy-bio estavam espalhados pela cidade, e qualquer pessoa que chega-se em lá era interrogada.

E eles acabam presos pelos cyborgs, mas quando chegam na prisão eles acabam sabendo de um motim, quase completo prestes a acontecer, e eles participando desse motim conseguem acabar com as tropas da cy-bio.
E eles ajudando aos habitantes de gileade com motim, receberam um presente do líder da cidade, eles poderão adquirir todos os conhecimentos que estavam no database de gileade, e ainda fizeram ali valiosos aliados.


Capítulo 4
Aprendendo 0101


A quarta parte da historia começa aqui. Essa parte mostra a viagem e o aprendizado dos que foram à Megalópole de Ibiza, Essa parte vai mostrar as coisas que mudaram na Megalópole desde a primeira parte do jogo e como a Resistencia pôde conseguir conhecimento.

Então esses poucos que formam para a Megalópole conseguiram chegar lá com um pouco de dificuldade, porque preferiram não serem cadastrados no banco de dados da Megalópole(o que acontecia quando alguém novo chegava a cidade). E lá depois que conseguiram entrar, vagaram procurando aliados, e isso durou algum tempo até que conseguiram fazer algumas amizades, e com o passar do tempo iam conhecendo mais e mais da cultura e do sistema deles.
Um tempo depois já sabiam tudo quanto podiam pela forma comercial, e viram que não era nem de perto o necessário para poder deter a empresas bio, então passaram a agir na clandestinidade, furtando conhecimentos, assim fizeram muitos amigos e aliados e conseguiram até formar uma pequeno grupo.

Nesse ponto nas Megalópoles, o Projeto Cy-bio foi aprimorado, e agora ao invés de só alguns equipamentos serem usados nos humanos, criou-se um tipo de armadura que as pessoas vestiam e com essa tecnologia, tornou-se possível a conversa mental entre humanos e IA's. então a ia contida na armadura meio que 'entrava na mente' do usuário e ela o auxiliava sem ter que haver nenhum comando por voz. Ela falava na sua cabeça. Elevando assim o nível de interação do homem com a máquina.

E essa nova interação de fato aumentou em um nível significativo a dificuldade de se combater esses cyborgs, coisa que esse pequeno grupo nem pensava em fazer, procurando sempre agir cautelosamente e fugindo de confrontos.

Assim esse pequeno grupo conseguiu reunir muitas informações e conhecimentos além de fazer aliados importantes em varias partes da Megalópole chegando até a ficar conhecidos pela população. E porcausa disso ele passaram a serem procurados pela Cy-bio, que queria acabar com qualquer chance de se criar uma nova resistencia na Megalópole. Então eles resolvem voltar ao Vale com todas as informações e conhecimentos que conseguiram armazenar.
Mas no caminho de volta os cyborgs da Cy-bio os perseguiram a ponto deles quase não conseguirem chegar a salvo ao Vale, mas a Cy-bio que a este ponto já tinha uma base no Vale passou a reprimir mais ainda a população para poder conseguir informação pra prender esse pequeno grupo.


Capítulo 5
A pratica faz a perfeição


A quinta parte do jogo começa aqui, mostrando como a Resistencia conseguiu parar a empresas bio nos Vales.

Quando eles finalmente conseguiram retornar ao Vale a salvo, se esconderam para não serem presos pela Cy-bio que a essa altura já controlava a segurança de todo Vale. E então se reuniram com todos os integrantes da Resistencia e compartilharam todo seu conhecimento, e esse era tanto que eles ficaram realmente inteligentes, conseguiram se organizar de tal forma que a Cy-bio não conseguia rastreá-los.
Então, eles arquitetaram um plano para poder desativar todos os postos do Projeto Vienna de uma vez só. Eles tinham que destruir a instalação central das empresas bio no Vale.
Essa instalação era a mais fortificada no Vale com dezenas de cyborgs da Cy-bio fazendo sua proteção. Eles planejaram fazer um grupo para distrair-los enquanto o resto da Resistencia entraram pelo subsolo.
Mas para executar o plano eles precisavam montar uma específica escavadora, e para isso eles precisam furtar as partes ela separadamente para não levantar suspeitas.
Depois de conseguir furtar todas as partes da escavadora eles a montaram e se prepararão para botar o plano em prática.
Enfim, com tudo preparado eles botaram o plano em prática para poder desturir a instalação central das empresas bio no Vale, e executando o plano ele conseguiram se infiltrar pelo subsolo e explodir a instalação, sem ter muitas baixas.
E com issu todos os postos do Projeto Vienna foram desativados, e os cyborgs da Cy-bio não sabendo o que fazer fugiram para a megalópole.

Capítulo 6
Backup


Essa é a sexta parte do jogo, ela mostra como a Resistencia invadiu a megalópole e ocupou as empresas bio atrás de uma forma de acabar com ela.

Com a fuga dos cyborgs houve um clima mais agradável no vale, mas a Resistencia ao invés de celebrar, partiu para a megalópole para terminar de vez com as empresas bio, e no caminho contatou todos os seus aliados chamando-os para a batalha.
E muitos vieram para ajudar, então eles se juntaram já na megalópole para poder bolar um plano de ataque. O plano era o seguinte: eram dois grupos de ataque, um grupo iria cercar o prédio central das empresas bio aonde teoricamente ficavam o database geral do Projeto Vienna, e o outro grupo iria destruir a instalação central da Cy-bio para desativar os cyborgs.

Com tudo preparado eles partiram para o ataque. Mas ao contrario do que foi no vale, as instalações eram muito mais bem protegidas o que causou um considerável número de baixas a Resistencia. O primeiro segundo grupo conseguiu destruir a instalação central da Cy-bio desativando todos os cyborgs e facilitando a missão do outro grupo.
Mas o segundo grupo quando finalmente conseguiu chegar a sala central do prédio para plantar os explosivos, viram uma mensagem em um dos enormes telões, e estavam escrito: Backup.

Só então que eles se deram conta que as empresas bio talvez não fossem tão burras a ponto de só ter os databases ali, e que eles poderiam ter backups em qualquer lugar. E então do nada todas as portas do prédio fecharam e no telão começou uma contagem regressiva, e foi aí que eles perceberam a armadilha da bio com eles... eles tentaram escapar mas não houve tempo suficiente e então o prédio explodiu, matando todos do primeiro grupo.

Capítulo 7
submerso


Depois da explosão das instalações da Cy-bio e do prédio das empresas bio houve um grande caos, Havia rastros de destruição por toda megalópole. Os membro do conselho já não se encontravam mais nela, fugiram com o resto dos lideres das empresas bio para longe. O resto das pessoas da Resistencia não sabiam como procurar o lugar que podiam estar os backups da bio e nem os seus lideres e o conselho.
Mesmo assim a resistencia em meio a todo caos da megalópole começou a buscar rastros que o conselho pode ter deixado ao fugir e depois de algum tempo buscando eles conseguiram.

O conselho junto com a bio estavam em uma cidade que ficava no fundo do mar, e para chegar a essa cidade submersa eles tem que ir por um túnel subterrâneo que fica na costa. Eles acharam plantas do túnel e da cidade, e puderam assim formar um plano de invasão para poder destruir toda a cidade.

Com o plano feito eles partiram para ação, juntaram tudo o que era precisão e invadiram para entrar na cidade. Em cada setor do túnel e da cidade havia robôs de segurança, houve um conflito intenso mas a Resistencia conseguiu avançar, ela tinha grande vantagem porque sabia para onde ir e como ir, assim ela conseguiu se infiltrar e plantar os explosivos pela cidade, mas ao entrar na sala aonde ficavam os backups eles se depararam com o dono das empresas bio, com uma expressão arrogante como se estivesse esperando por eles, ele usava a armadura diferente da dos cyborgs e o capacete também. Depois de trocarem frases, descobriu-se então que essa nova armadura e o novo capacete davam a ele melhorias únicas em seu desempenho físico além de ser a prova de balas.

E então depois de entrarem em conflito, conseguiram com muito custo destruir ele, e depois saíram da cidade e explodiram-na e finalmente acabando com as empresas bio.








Planejamento do jogo


Aqui eu vou descrever as idéias para o roteiro do jogo e etc. quem quiser ler é só clicar
Spoiler:

A primeira parte então será o prólogo, aonde vai ser mostrada a historia de um novo integrante da Resistencia. Essa primeira parte tem também o objetivo de mostrar ao jogador os comandos, sistemas do jogo e etc... Será mostrado as dificuldades que eles enfrentam no dia-a-dia, para por exemplo: roubar informações de banco de dados, roubar mantimentos, proteger a “fortaleza”, enfrentar os cyborgs da Cy-bio e por aí vai.
Essa parte da historia termina com uma armadilha feita pela Cy-bio para poder pegar todos os membros da resistencia de uma vez. Enfim... a armadilha funciona graças a um traidor de dentro da Resistencia( é, eu sei “clichê” purinho), e quase todos os membros da Resistencia são presos ou mortos, só sobrando 3 deles (pode ser 2 homens e uma mulher, pra não falar que eu sou machista kkk..) intão esses 3 restantes que conseguira não serem apanhados fogem pra longe.

Obs: passou-se uma quantidade de tempo considerável entre o fim da primeira parte do jogo, para o começo da segunda parte do jogo. Então no começo da segunda parte, as pessoas dos Vales muito pouco sabiam da Resistencia que se tinha montado na Megalópole e que ela tinha sido derrotada.

A segunda parte do jogo vai se passar nos Vales, mostrando o começo da implementação do Projeto Vienna nos mesmos. Nessa parte deve se passar a história de alguém, de alguma família de classe baixa, e que conseqüentemente não adquiri muitos conhecimentos através do Projeto Vienna, que encontra de alguma forma um dos 3 sobrviventes(já bem velhos), e passa a ter um vínculo com ele de alguma forma. E esse sobrevivente lhe conta a historia ou alguma coisa assim, e lhe ensina coisas que a Resistencia fazia, como roubar conhecimentos, e aí por alguma razão esse alguém com o auxilio do velho sobrevivente tentam começar uma nova Resistencia no vale.


Na terceira parte do jogo, a Resistencia se divide para conseguir mais conhecimento, essa parte mostra o personagem principal(ainda não definido) e seus companheiros passandoor gileade, lá o jogador vai ter que responder o interrgatório dos cyborgs(já preparei um esquema par isso) e enão eles vão presos, na prisão ele veem que um motin está sendo preparado e participam dele, fogem da prisão e devem comprir objetivos como detsrua tal coisa, acabe com aqules cyborgs, ajude aquele grupo a derrotar os cyborgs e etc...
por fim eles partem para a megalopole.

Na quarta parte do jogo o personagem principal e os seus companheiros devem no começo se movimentar pela megalopole sem ser notados pelos cyborgs e cameras, passando por becos, a atalhos, e encontar com o segundo sobrevivente da Resisencia, e depois encontra o teceiro sempre fogindo dos cyborgs, depois de falar com eles, os personagens devem ganhar experiencias e aprender skills novas atrvés do projeto vienna, e sempre seguindo esse esquema encontrar e conversar com tal pessoa, aprender uma nova skill. depois de encontrar com ums 2 ou 3 pessoas eles passam a invadir instalações para roubar mais conheçimentos, nessa parte eu pensei no mesm esquema entrar sorrateiramente em algum lugar e chegar ao computador principal e roubar conhecimento. repetindo issu umas duas vezes, mas sempre amentando o nivel de dificuldade.
na hora de fugir da mmegalopole, eles passam pela floresta, nessa parte só obstáculos para o jogador ter um pouco de dificuldade.

na quinta parte eles se reem com a resistencia toda,que bola um plano, e eles tem que roubar as peças para construir a escavadeira, seria invadir um predio destruindo os cyborgs, e chegar a o lugar aonde a peça esta e roua-la e sair do local vivo, e repetir issu umas 2 ou 3 vezes aumentando a dificuldade. até que na missão para destruir o local da database o personagem enta pelo unel feito pela escavadora invade o local destruindo os cyborgs e tal, chegam ao local aonde eé para plantar os explosivos plantam ele e saem do local

OBS. A idei inicial era ecrever a historia do jogo em 5 partes, mas agora eu to achando que vai ficar muito pequena, não sei se aumento mais, mais se eu aumntar deve ir para 7 partes.

OBS.2 Todos os nomes são provisórios, então se você quiser ajudar falando um que vocÊ acha que vai ficar legal na estoria sera muito bem vindo

OBS.3 Eu á andei pensando no desenvolvimento desse projeto, e pensei em fazer ele por partes, assim como ta dividida a historia.

bom, gente é isso o que eu escrevi até agora. agradeço por ler a historia e peço que vocÊs comemtem... vlw




Última edição por dan mira em Sex 20 Ago 2010, 02:21, editado 4 vez(es) (Razão : terminada a historia)

dan mira

Ranking : Sem avaliações
Número de Mensagens : 40
Idade : 24
Data de inscrição : 24/06/2010
Reputação : 0
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por Kabeção em Qua 18 Ago 2010, 13:00

Olha, eu vou ser bem sincero quanto a isso...

Gostei muito desse enredo. blz
Daria até um bom filme do estilo "futuro caótico".
Ele combina tanto para um rpg quando para um jogo de aventura casual.

Esta bem escrito e fácil para o leitor entender mas achei algumas coisas estranhas:
Porque todos os nomes começam com letra minúscula?

Certo, você desenvolveu todo o ambiente mas e os personagens?
Por mais interessante que seja os acontecimentos de forma geral, o foco de uma historia tem que estar nos seus personagens e como eles lidam com esses acontecimentos.
O único que eu vi foi só o Wilian Gardner e foi só uma apresentação.

Certas vezes a muita repetição de termos em uma frase só, não é nada que atrapalhe o entendimento da estória mas pode ser evitado.

Quando aos nomes eu gostei mas eles tem fundamentos?
Tipo, o Naruto tem esse nome porque o Jiraya tava comendo aquelas coisas em forma de espiral do ramen (o nome daquilo é naruto).
Wikipédia escreveu:O nome Google foi escolhido devido a expressão googol, que representa o número 1 seguido de 100 zeros, para demonstrar assim a imensidão da Web.

A expressão googol surgiu de um fato um tanto curioso. O matemático Edward Kasner questionou o seu sobrinho de 8 anos sobre a forma como ele descreveria um número grande - um número realmente grande: o maior número que ele imaginasse. O pequeno Milton Sirotta emitiu um som de resposta que Kasner traduziu por "googol". Mais tarde, Kasner definiu um número ainda maior: o googolplex.


Bom, para o desenvolvimento fica ai uma dica:
Um boa estória é aquela que liga o futuro com o passado ou vice e versa com surpresas, coisas como por exemplo: no primeiro episódio, alguém matou toda a familia do personagem principal e só ele sobrevive e passa sua vida buscando vingança e perseguindo o assassino, lá para o episódio 120 ele descobre que o assinamo era seu irmão e a familia que ele estava naquele época era falsa, a pessoa que ele sempre perseguiu durante anos na verdade esta tendendo protege-lo e livra-lo do mesmo destino que ele mas não podia contar a verdade por certo motivo.

Kabeção

Ranking : Sem avaliações
Número de Mensagens : 2314
Data de inscrição : 08/06/2008
Reputação : 100
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 3
   : 0
   : 1

http://blackcapapps.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por dan mira em Qua 18 Ago 2010, 14:22

opa! iaew kbeção, vlw por me dar uma moral comentando, eu sei que quando o tópico é extenso as pessoas tem preguiça de ler( incluindo eu Happy )...mas respondendo as suas perguntas.

quanto aos nomes em letra minuscula, te falar cara que eu nem me liguei nisso, tipo.. quando eu começei a escrever essa historia eu ja tinha esse titulo, e eu queria que bio fosse eu letra minuscula mesmo, mas o resto não.... achu que eu só fui escrevendo sem pensar nissu, eu vou arrumar. vlw pelo toque.

quanto aos personagens, eu resolvi escrever primeiro toda a historia de forma geral, para depois eu poder criar os personagens e indo desenvolvendo eles dentro da historia geral. acho que assim se tem mais noção das coisas pra poder criar os personagens do jogo, é a primeira vez que eu tento escrever assim, vamu ve no que vai dar kkkk.

você falou sobre repetição de termos em uma frase. é eu faço isso as vezes,depois eu devo dar uma re-lida e aproveito e tiro issu. vlw

como você, eu também acho que os nomes tem que ter um significado, até mesmo por isso eu coloquei todos como provisórios pra depois poder substituir por nomes melhores. mas alguns deles como Megalopoles e vales já estão no contexto certim.

vlw pela dica para o roteiro, eu devo escrever alguma desse tipo blz

obs. ja arrumei o texto, colocando os nomes em letras maiúsculas e tirando as repetições

dan mira

Ranking : Sem avaliações
Número de Mensagens : 40
Idade : 24
Data de inscrição : 24/06/2010
Reputação : 0
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por golfinho hipie assasino em Qua 18 Ago 2010, 16:57

ae dan mira quero agora agradecer,dessa vez perante ao "publico" por ter levado a minha historia adiante de um geito tão bom.

só agora eu vi que voce começou a fazer o planejamento do jogo, isso é importante,até te falei (a uns 2 minutos atraz) por mp sobre isso.

quanto aos personagens, eu resolvi escrever primeiro toda a historia de forma geral, para depois eu poder criar os personagens e indo desenvolvendo eles dentro da historia geral. acho que assim se tem mais noção das coisas pra poder criar os personagens do jogo, é a primeira vez que eu tento escrever assim, vamu ve no que vai dar kkkk.

(nossa! esqueci me disso)é interesante criar os personagems agora para eles serem mais reais,voce presisa traçar a personalidade deles para que ela seja refletida nas açoes que o personagem vai ter e assim a historia agir com mais naturalidade

e novamente parabems e continue com o bom trabalho

golfinho hipie assasino

Número de Mensagens : 286
Idade : 22
Data de inscrição : 22/10/2008
Reputação : 0
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   :
   :
   :

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por dan mira em Sex 20 Ago 2010, 10:35

tranquilo GHA, eu tenho que te agradecer por ter me deixado escrever sobre a sua ideia.

bom gente, acho que temrminei de escrever a historia, a parada agora é começar a escrever o roteiro do jogo, espero os comentarios de vocÊs

dan mira

Ranking : Sem avaliações
Número de Mensagens : 40
Idade : 24
Data de inscrição : 24/06/2010
Reputação : 0
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por CRP-Max em Qui 26 Ago 2010, 12:35

Bela historia.
Gostei mas acho que vai dar trabalho fazer isto sozinho.
Você pretende criar uma equipe para produzir este jogo? computador
Se você for criar (e acho que é quase impossível fazer isso sem ajuda) gostaria de participar.
Como acabei de ler agora, e eu tenho um compromisso, vou editar mais tarde e vou fazer umas imagens, pro caso de você me, "contratar como designer gráfico" :C:
Não sou profissional, mas tenho facilidade com o lápis. Very Happy

Editado:
Puxa desculpa, mas acabo de entrar em um outro projeto.
Fiz dois desenhos, e assim que eu finalizar (se der tempo, pois volto a trabalhar na semana que vem) eu posto eles pra você ver se ficaram legais.
mas essa historia ainda vai dar o que falar, aposto!


Última edição por CRP-Max em Sex 27 Ago 2010, 14:45, editado 1 vez(es)

CRP-Max

Ranking : Nota C
Número de Mensagens : 819
Idade : 41
Data de inscrição : 28/10/2008
Notas recebidas : C
Reputação : 29
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por Anderson3d em Qui 26 Ago 2010, 13:24

gostei da estória e adianto, fazer um rpg eu considero fácil, pelo menos os cenários e as conversas. O ruim é o inventory, as lojas de itens e as batalhas.
Se for rolar vou acompanhar, boa sorte aew.

Anderson3d

Ranking : Nota A
Número de Mensagens : 1479
Idade : 33
Data de inscrição : 15/02/2009
Notas recebidas : A - A
Reputação : 9
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 1
   : 0
   : 1

http://www.indiegamebr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por dan mira em Sex 27 Ago 2010, 17:13

CRP-Max
obrigado por comentar..
respondendo as suas perguntas... não pretendo criar uma equipe pra desenvolvero o jogo, pelo menos não agora, porque como vc eu tbm to ocupado em uma equipe e não daria pra consiliar direito(fora a faculdade q ta sinistro yes ). eu to tentando escrever o roteiro agora nas horas vagas, se eu for criar uma equipe pra fazer o jogo vai ser só quando eu tiver bastante tempo livre..

Anderson3d
obrigado por comentar.
a minha area até agora não inclui programação, intão eu não tenho muita noção de quanta dificultade, mas vc falando desse jeito parece até fácil..

dan mira

Ranking : Sem avaliações
Número de Mensagens : 40
Idade : 24
Data de inscrição : 24/06/2010
Reputação : 0
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por gabrielsch em Sex 27 Ago 2010, 17:36

Estou me lembrando de Half-Life 2 =D
Daria uma maravilhosa história para um jogo de FPS!

___________


Acesse: http://foxen.com.br/



gabrielsch

Ranking : Nota A
Número de Mensagens : 1229
Idade : 21
Data de inscrição : 06/12/2009
Notas recebidas : D + A + A
Reputação : 28
Insignia 1 x 1 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 1
   : 2
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: bio - historia terminada

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 16:40


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum