Será que compensa?!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Será que compensa?!

Mensagem por Pedrin72 em Qui 26 Jun 2014, 01:59

Será que compensa? Vejam todo o vídeo e me ajudem, estou vendo se entro ou não, existe uma sede da empresa aqui em minha cidade e tenho dinheiro para pagar o curso!


Pedrin72

Ranking : Nota D
Número de Mensagens : 128
Idade : 18
Data de inscrição : 30/01/2013
Notas recebidas : D
Reputação : 6
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por 7hiagomp em Qui 26 Jun 2014, 02:09

Sinceramente,
isso só você vai poder dizer.  O máximo que eu posso dizer é "para mim compensa?" e a resposta seria, não.  Não compensa pra mim.

Primeiro, tudo que ele listou leva uma vida pra aprender, ninguém aprende ter idéia > modelar > texturizar > rigar > animar > pintar > roteirizar > criar level design > HUD design > programar > por online > sonorizar > fazer a distribuição > trabalhar/estudar e viver ao mesmo tempo.

simplesmente é uma idéia que vendem que é irreal, ninguém trabalha sozinho sabendo de tudo, isso é uma coisa que nego insiste muito aqui no Brasil, que a gente tem que saber tudo.

Você realmente tem que saber bastante coisa, várias coisas diferentes, mas é surreal vc fazer isso enquanto tão te sugando dinheiro.  Eu não consigo.

Mas pra vc não ficar desmotivado com essa minha postagem, eu recomendo que vc entre nos foruns desse curso e veja o que a galera comenta por aí.  Vai que é uma Seven da vida (Deus o livre).
E também procura os jogos deles, vê se é tão legal quanto dizem ou só um aluno gênio faz jogo.  Espero que eles tenham muitos jogos publicados.


ps.: pra quem diz que faz todo esse design e planejamento fodão eu achei o vídeo bem ruinzinho.

7hiagomp

Número de Mensagens : 124
Idade : 31
Data de inscrição : 21/04/2014
Reputação : 24
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por Isquilo_Roedor em Qui 26 Jun 2014, 12:58

Vale a pena sim,ignore esses filósofos que dizem pra você pensar 2 vezes antes de fazer algo que você queira fazer,este curso é importante se você gosta de criar jogos e coisas relacionadas a isso,não sei se esse curso envolve programação,se não envolver você teria que fazer um curso separado de programação,mas é opcional,se você for criar um jogo talvez tenha ajuda,mas é difícil achar uma equipe realmente disposta a fazer oque você precisa.

Isquilo_Roedor

Ranking : Nota D
Número de Mensagens : 334
Idade : 16
Data de inscrição : 22/03/2012
Notas recebidas : E-E-D
Reputação : 18
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por Kabeção em Qui 26 Jun 2014, 15:37

Uma coisa que você tem que entender e muita gente ignora é que antes de tentar fazer modelos, esculturas, texturização, animação e etc você tem que saber pintar e desenhar.
E antes de criar músicas, você tem que saber tocar e teoria musical.

Kabeção

Ranking : Sem avaliações
Número de Mensagens : 2314
Data de inscrição : 08/06/2008
Reputação : 100
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 3
   : 0
   : 1

http://blackcapapps.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por chicoweb em Qui 26 Jun 2014, 15:58

Pedrin72 escreveu:Será que compensa? Vejam todo o vídeo e me ajudem, estou vendo se entro ou não, existe uma sede da empresa aqui em minha cidade e tenho dinheiro para pagar o curso!

Eu conheço esse tipo de curso, é feito para fazer brilhar os olhinhos de em aspirante a indie de sucesso.
Reparem que o próprio dono não vive de games, não deve nunca ter se quer feito um game completo na vida, ele vive do curso.
Como o Thiago disse ninguém faz tudo num game de sucesso no qual vc vai ganhar a vida.
No site deles não tem exemplos, não tem trabalho dos alunos que concluiram o curso.
Se fosse fácil assim, pra que um gta precisaria de 60 mil profissionais pra ser desenvolvido???

Se eu me informei errado peço desculpas mas e que vi o site rapidamente, mas tenho experiencia nesse tipo de empresa.

chicoweb

Ranking : Nota C
Número de Mensagens : 666
Idade : 39
Data de inscrição : 15/05/2012
Notas recebidas : B+C
Reputação : 49
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 1
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por 7hiagomp em Qui 26 Jun 2014, 16:12

cara, não é filosofia barata não. Eu sempre olho esses cursos com dois pés atrás porque eles atuam em um área que a procura é muito maior que a demanda.

Tem um similar aqui no Rio que se chama Seven com uma ramificação chamada Seven Games, tá sempre presente em qualquer BGS.  Os caras são muito picaretas, a empresa é da Universal, não tem um professor qualificado, os professores são alunos que iam melhor nas aulas.  Isso é absurdo.

Eu não sei se esse curso é assim, mas se vc realmente quer um curso sobre algo, escolhe uma coisa e procura um curso específico sobre o que vc quer, não acredita nessas propostas de político de "você vai aprender tudo aqui".  O ideal é você passar por vários lugares que te ensine várias coisas.  Não um que te ensine tudo.

ps.: aliás sei que tem professores no forum e não sei se tem alunos da seven, me desculpe mas não tenho uma boa relação com essa empresa.


Última edição por 7hiagomp em Qui 26 Jun 2014, 16:20, editado 1 vez(es)

7hiagomp

Número de Mensagens : 124
Idade : 31
Data de inscrição : 21/04/2014
Reputação : 24
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por cascavelo em Qui 26 Jun 2014, 16:17

Se você estiver iniciando, compensa sim.
Cursos são os melhores lugares para se conhecer pessoas relacionadas ao meio. Se na minha cidade tivesse um curso de games eu faria só pra conhecer mais gente que gosta de fazer games e talvez conseguir montar uma equipe.

cascavelo

Ranking : Nota A
Número de Mensagens : 1011
Idade : 46
Data de inscrição : 08/12/2011
Notas recebidas : A - A - A - A - A -A -C
Reputação : 71
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 1
   : 2
   : 1

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por Markituh em Qui 26 Jun 2014, 20:16

Concordo com a postura do 7thiagomp. Não que todo curso desse gênero seja assim, mas infelizmente é uma realidade comum, digo isso de experiência própria e relato de amigos. Só entrei num desses "cursões" uma vez, e prentendo não entrar mais. Eis o meu relato (é grandinho, hehe):
Spoiler:

Era uma vez, um garoto que estava de boa no PC quando de repente o telefone de sua casa toca, e sua mãe vai atendê-lo. Desse telefonema surgia uma oferta de fazer um curso profissionalizante.
- Vai ser bom, Mark! - diz a mãe - você até pode saber de umas coisas mas um curso desse com certeza vai te abrir portas para o mercado de trabalho, não acha?
- Sei lá, talvez sim. Deve ser bom pra matar o tempo, final de semana vamos lá dar uma olhada.
- Oh, tudo bem então!

Eis que o dito dia chega, e todos os papéis de inscrição são feitos e outras coisinhas a mais. O garoto olha os arredores e se espanta com um cartaz que dizia "Desde de 1980 formando profissionais na área de informática!".
- Hmm... interessante.
O que mais encucava o garoto é que pelo fato de ter recebido o telefonema, quer dizer que alguém havia indicado. Não foi algo que ponderou por muito tempo, mas mais tarde descobriu que um amigo de um primo seu o havia indicado. Mark é um menino com uma mente muito fértil, e imaginou o seguinte diálogo entre ele e seu primo que, por ora, chamaremos de Marcelo:
- Ei Marcelo, arrumei um emprego aqui no centro da cidade de uma escola de informática. Tu não tem um primo que mexe com coisas de computador, não é?
- Ah... tenho sim, porque?
- Bom, você tem o número da casa dele aí? Acho que ele ficaria interessado nisso.
- Eu tenho sim, vou passar pra você.

E quando chegou o dia de começar o curso, Mark recebeu sua carteirinha com seu nome e número de identificação: 26. Curioso, isso quer dizer que a empresa realmente era bem recente, sem falar que 26 é o dia de seu aniversário, mas deve ser apenas uma superstição boba. Sabendo disso, não encontrou nenhum amigo seu na turma, o que lhe restava era algum funcionário da empresa que o conhecia. Depois Mark falou com esse conhecido e tudo ficou claro, apesar do garoto nunca ter visto o amigo de seu primo lá.

Nosso herói passou dois anos lá. Não foram lá muito proveitosos, mas Mark se destacou um pouco: passou na prova de monitores e foi o monitor de sala, vestido de terno e gravata (orgulho da mamãe), tirando as dúvidas dos alunos. Não era "O Cara", mas conseguia se dar bem com o pessoal. Já deu até uma aulinha de leve quando o professor estava com a garganta inflamada. Durante os três meses do período como monitor, Mark teve 50% de desconto na mensalidade (esta custando R$180,00), o que era realmente despesas a menos para seu pai que já estava cheio de contas mais prioritárias.

Por lá ele se envolveu com alguns projetos, e um dos professores o chamou, juntamente com 2 outros alunos, se poderiam se juntar para fazer um aplicativo para Android que iria bombar e gerar muitas dilmas. Mas é aquela história, o pessoal foi se esquecendo e deixando pra lá; Mark as vezes dava uns toques no professor para lembrá-lo do projeto:
- Eaí Prof. Josnieldson - não que esse fosse o nome dele - aquele projeto da gente sai ou não?
- Rapaz tó muito sem tempo esses meses, mas me lembre cara que a gente se organiza.
- Beleza, qualquer coisa só falar que eu me prontifico. Até mais!
- Até.


Chega o dia do projeto final que consistia em construir uma empresa. Poderia ser de qualquer tipo, mas teria que possuir tudo o que foi aplicado no curso. Ofício, logomarca, funcionários, folha de pagamento e tudo que uma empresa precisa e mais um pouco - houveram ótimos trabalhos, bem simples mesmo, na primeira tentativa. Por que primeira tentativa? Acontece que Mark procrastinou e terminou fazendo uma zuera muito grande - uma empresa do futuro que vendia máquinas do tempo DeLoreans e tinha o Juarez da Tecpix como garoto-propaganda. Depois disso, Mark aprendeu sua lição - até porque os membros da equipe provavelmente ficaram muito putos com ele por causa disso - e tentou mais uma vez. Dessa vez ele não era mais o líder do projeto, mas no final acabou tendo que resolver a paçocagem toda que estava aquilo. [Mark soube da escrita deste artigo e requere uma mudança da pessoa do discurso]
Sério, tinha uma menina lá que não sabia o que era receita e despesa, ou o que uma folha de pagamento contia. Tudo bem, ninguém nasce sabendo mas não custava nada lembrar o que foi lido na apostila? Pelo menos essa informação tinha lá. Pulando detalhes desnecessários, terminadas as apresentações, falei com o pessoal, tirei algumas fotos com as meninas (só tinha eu e outro cara lá de homens, e este já tinha ido embora), e fui comer um pastel ali na esquina com elas, - que fizeram a cortesia de pagar o meu, estava sem dinheiro - nos despedimos e fui para casa. Eu já estava querendo sair daquele curso, mas minha mãe sempre batia naquela teclinha de "um certificado vale mais que mil habilidades", o que realmente é verdade, com uma pitadinha de mentira - vejam isso aqui e isso aqui e descubram o porquê Laughing  Mais aí é que está... Onde está o certificado? Como ele vive? Do que se alimenta? É capaz de sobreviver no meio selvagem? Descubra isso e muito mais no GMBR Repórter!

Até hoje, tendo terminado o curso 2 meses atrás, não me ligaram para falar sobre certificado ou se realmente finalizei o curso. Mas meus dados ainda estão cadastrados no sistema e recebo mensagens de promoções e descontos de mensalidade. Falei com alguns colegas de turma pra entrar em contato com outras pessoas que estão na mesma situação, e se proceder, processar a empresa. Se eu tivesse reprovado deveriam pelo menos me ligar pra dar alguma satisfação, e perguntar se eu estaria interessado em refazer o curso (o que obviamente eu não iria). Acho que sacaram que eu não era mais um leigo que iriam na onda deles.

Um professor bem maneiro meu (o primeiro dos professores) era um cara gente boa, mas tão gente boa que passava a galera tranquilo, mesmo com notas baixissimas. O diretor do curso muito provavelmente não gostou da idéia e depois de uns meses (acho que alguém das novas turmas achou aquilo um absurdo e foi denunciar) saiu da empresa. Não sei se foi demitido por justa causa ou saiu porque quis (ele disse que estava querendo sair já), mas as circunstâncias apontavam para outra coisa. Seria muito ruim se esse aluno fosse reprovado e não pudesse mais gerar uma rendinha pra nós, né não? :/

Conclusão:
Chegou a agora na sua cidade, é inovadora? Está no mercado a X anos? Beleza. A empresa do meu curso também, e os módulos dela apesar de terem edições recentes são muito mal formulados e escritos "daquele jeito" - alguns módulos tinham informações erradas, pouca informação e as vezes até informação demais. É um curso profissionalizante mas não instiga os alunos aprenderem, e aqueles que vão no curso só pra matar o tempo nem mudam de ideia de tão chato que aquilo é. Lógico que tem pessoas que aprenderam do curso, que fizeram, tiraram algum proveito, mas não existe uma didática ideal nesse tipo de curso.
----

Se compensa ou não? Não sei. O vídeo está muito amador (pô, é desenvolvimento de games, não God of After Affects) mesmo que tenha apresentado várias coisas e isso e aquilo outro, qualquer um pega uns vids da net, bota um efeito ou outro, enche de conteudo e manda na internet. A qualidade do curso é tão grande que nem um servidor decente possuem para os clientes acessarem - das 15h00 até agora de hoje, o servidor deles está congestionado. Imagina a intranet para os alunos fazerem provas, ver as notas e etc...

Bom é isso, se quer tentar se aventurar e realmente o curso for bom, vá. Realmente são muitas coisas e, como o Thiago falou você vai ter que manjar disso tudo. Se é pra fazer um projeto muito provavelmente seria montada uma equipe, e é natural em qualquer ambiente que fulano e sicrano com habilidades X e Y se juntem. Puxo a idéia do cascavelo para o meu caso, o curso não era lá essas coisas mas conheci um pessoal legal lá, infelizmente não mantenho muito contato com eles e não achei ninguém que realmente tivesse umas "skills" pra montar uma parceria.

Mas Pedrin, fique ligado se notar qualquer coisinha estranha, algum esquema daqueles - cancele o curso. E se não for possível fazer isso, junte uma galera e meta processo em cima dessa empresa, não se intimide. Abraços o/

// Off.. Thiago, o SIGILOSO trabalhava na Seven, não sei se ainda trabalha.. rsrs

___________

"Não deixe para amanhã o que se pode fazer hoje"

Links úteis:
Índice de Tutoriais
Manual online do GMS

Markituh

Ranking : Sem avaliações
Número de Mensagens : 2183
Data de inscrição : 11/10/2009
Reputação : 106
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por 7hiagomp em Qui 26 Jun 2014, 21:11

cara, eu fiz 1 mês de seven,
inocentemente eu fiz um mês de seven.

e eu não desejo isso pra ninguém mesmo, sei que tem um lado positivo, vc conhece pessoas, acaba formando amizades, mas sinceramente, pra fazer amizade eu não preciso da Seven.

Minha experiência foi a seguinte;
depoimento:
Entrei num cubiculo cheio de divisórias de plático e vidro, me senti aprendendo maya dentro de uma vitrine.  Na minha sala, cerca de 30 pessoas desde 12 anos até uns 30 e poucos quase 40.  Dois alunos por computador no melhor esquema, um mexe no mouse outro no teclado.  Entra na sala um rapaz novo, praticamente da minha idade de terno e gravata, poe uma pasta encima da mesa e começa a falar da história de vida dele.

Ele começou como aluno da Seven, se saiu bem no curso, foi o melhor da turma por vários módulos consecutivos, daí se tornou monitor, ao concluir seu curso foi chamado para dar aulas e agora orgulhosamente dava aula para minha turma.

Sei que isso pode até parecer normal mas, o que eu pensei na hora foi o seguinte.  Esse rapaz, tinha feito 1 ano de curso, mando bem, mérito dele. Mas que certificação esse cara tem pra dar aula?  Ele é graduado? Doutor? Mestre?  Ele tem alguma representatividade no mercado? Trabalha a quanto tempo com (no caso era modelagem) modelagem?

Resumindo, se o seu professor não tem  pelo menos 1 dos itens a seguir:
nível superior, mestrado, doutorado ou é um profissional representativo no mercado ou tem uma empresa representativa no mercado então ele não tem como te certificar de nada.    O seu certificado no final do curso você pode por junto com o papel higiênico do banheiro porque ele não vale nada.  É só um papel.

Se fosse assim, minha vó se escreve na Seven e ano que vem tá dando aula.

E nem adianta você achar que "ah mas o mercado de trabalho vai reconhecer o meu esforço", eu não estou no mercado de trabalho de games, mas cara,, ou você é indie e encara tudo no peito apostando tudo no que você tem.  Ou você tá no mercado formal, e no mercado formal o certificado que você tem de um professor que não tem qualificação é o mesmo que nada.

Eu atuo no mercado de trabalho de motion design a 8 anos (agora que estou começando a pesquisar sobre games por curiosidade), e uma coisa dessa como a seven, pra um empregador é a mesma coisa que o cursinho de excel da S.O.S. computadores.

Cara, depois que eu li seu depoimento e o lance de não ter recebido certificado, eu fico triste por você e ao mesmo tempo feliz que eu percebi isso logo de cara.  Eles ainda me cobraram uma taxa pra sair da escola. Enfim, eu quero distancia dessa gente e recomendo sempre pras pessoas, mesmo as que eu não gosto, cuidado com empresas tipo Seven.

Minha dica pra você é procure um curso com duração curta e sempre específico no tema, não vai pra curso bombril 1001 utilidades.  Se vc curte desenhar, entra em curso de desenho vc com certeza vai achar muitas amizades e vai evitar esse tipo de empresa.

7hiagomp

Número de Mensagens : 124
Idade : 31
Data de inscrição : 21/04/2014
Reputação : 24
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por Markituh em Sex 27 Jun 2014, 09:28

Pois é, estou nem me importando com isso mais. Agora se vierem com conversinha dizendo que as mensalidades se acumularam lá, vou mandar é conversar com o juiz no tribunal. Tem um amigo meu que trabalha num curso desses (se destacou lá e está trabalhando meio-periodo, com salário e tudo), e é um curso tradicional, eu mesmo já vi várias vezes ele tirando fotos lá com alunos com certificado e tal então acho que é bom mesmo. Ele até me ofereceu um descontinho pra eu entrar na turma de hardware, mas acabei esquecendo e deixando pra lá, acho que ele tá com raiva de mim por isso, haha.

Agora, acabei de lembrar de algo interessante. MC Tecnologia... Microcamp, em SP, certo? Se não me engano o dharrison é professor de lá. No momento ele está de mudança e não pode acessar muito a internet, só quando está no trabalho... vou entrar em contato com ele pra saber direitinho as coisas. Markituh dá umas olhadas em seu perfil... - você mora em Limeira? Caramba, que coincidência cara! O dharrison mora lá também Laughing Nesse caso mudei de opnião sobre o curso, talvez tenha realmente um conteúdo, e se você cair na turma do irmão Harrison melhor ainda! \o/

Vai lá rapaz, se você pode pagar pela mensalidade e está com muita vontade mesmo, vai ser uma boa experiência pra você.
Abraços e bom aprendizado o/

___________

"Não deixe para amanhã o que se pode fazer hoje"

Links úteis:
Índice de Tutoriais
Manual online do GMS

Markituh

Ranking : Sem avaliações
Número de Mensagens : 2183
Data de inscrição : 11/10/2009
Reputação : 106
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por dharrison em Sex 27 Jun 2014, 09:29

Se vc vai fazer curso na Microcamp e se estiver em Limeira - SP, provavelmente eu vou acabar dando aula pra vc, pois trabalho lá.

Conforme o que o pessoal disse acima, deu pra ver que fica uma coisa bem dividida, então vou falar um pouco sobre o que realmente é feito nas aulas (pq propaganda é propaganda)

Realmente o conteúdo que é informado nesse vídeo existe, as apostilas são um bom suporte, mas muito do que vc vai conseguir desenvolver depende do seu empenho e aptidão em sala de aula, mas como a galera comentou, é impossível ficar bom em tudo, isso não existe.

O que vai acontecer dentro de sala de aula é que vc vai ter oportunidade de aprender diversas técnicas, manhas e conceitos, mas não vai ser especialista em tudo.


Ao longo de 2 anos de curso é produzido um jogo, que usa desde os nossos primeiros modelos 3D até os levels feitos no UDK e etc. Geralmente eu divido minhas turmas em 3 equipes de 6-8 pessoas, e tento equilibrar, tpw Fulano é bom de roteiro, Ciclano é bom de desenho, e assim por diante.

O curso é gostoso de fazer, mas é puxado, tem bastante lição de casa, principalmente no 3DS MAX e ZBRUSH. No caso do 3DS MAX a escola libera uma licensa de Estudante válida por 3 anos pra você.


Então caso vc venha fazer uma triagem pra se inscrever no curso, tenha em mente como a coisa realmente vai funcionar, pois as coisas que serão faladas para vc não vão condizer muito com a realidade (afinal todo vendedor/divulgador de curso, não importa qual escola seja, nunca sabe do que está falando)

Agora caso vc se arrependa, ae é complicado, pq como comentado acima tem uma taxa a ser paga (taxa de cancelamento, que é bem alta) para desistir do curso. Então avalie bem o que vc quer fazer.

Conclusão: o curso é bom, tem um material bom, mas não é um "kit seja um designer de games em 20 minutos", acho que a GMBR cumpre bem mais esse papel de ensinar algo rapidamente ashuasuhas Happy

E também, sendo sincero, pode ser que vc goste muito, ou ache uma merda...
Geralmente de cada turma que tenho, que são 20 alunos, alguns acabam desistindo, uns 5 ou 8, ae a turma fica com uns 12, desses 12, apenas 3 saem realmente bons.

Ae esses 3 podem acabar fundando uma equipe e tal, mas é basicamente assim que funciona

Bem, tentei ser imparcial e falar a realidade, agora vc v se compensa ou não cara, quem vai dar a palavra final é vc Happy

dharrison

Ranking : Nota B
Número de Mensagens : 1243
Idade : 25
Data de inscrição : 04/02/2009
Notas recebidas : A - B
Reputação : 89
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 1
Prêmios
   : 0
   : 1
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por Pedrin72 em Sab 28 Jun 2014, 10:31

Exato, moro em Limeira-Sp, que coincidência, kk, mas vou dar uma analisada pra ver se realmente compensa, mas, se não fazer algum curso, vou ficar ruim em desenvolvimento de games pra sempre, tipo programação eu sei bastante, só não sei criar muito bem a parte gráfico do jogo, mas entenda, quero mais criação de jogos como um Hobby, pois é muito difícil dar algum dinheiro, mas mesmo sendo um Hobby, queria ser bom nisso, se tiver algum curso que me recomende para pelo menos poder criar alguns games +/-, pois faço isso pra me divertir e não me estressar mais!

Pedrin72

Ranking : Nota D
Número de Mensagens : 128
Idade : 18
Data de inscrição : 30/01/2013
Notas recebidas : D
Reputação : 6
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Será que compensa?!

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 12:37


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum