5 maneiras de ser um desenvolvedor indie de Sucess

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

5 maneiras de ser um desenvolvedor indie de Sucess

Mensagem por DonutScore em Sex 04 Abr 2014, 10:52

Hoje em dia, um monte de hipsters gente quer desenvolver jogos sem ter que dar satisfação a ninguém – seja ao chefe, aos investidores, à família, ao senhorio, aos consumidores ou ao bom senso. Em outras palavras, essa gente quer ser indie. Afinal, tá na moda, mas ainda não ficou popular a ponto de pessoas voltarem ao desenvolvimento de grande jogos em protesto (#fikadika para os hipsters que quiserem ser mais hipsters do que os outros hipsters!). Só que para realizar o “sonho” de ser um superstar indie, é preciso um pouco mais do que vontade. Calma: ninguém falou em demonstrar talento, trabalhar duro ou ter noção, então você ainda tem chances! Não existe uma fórmula exata – a estupidez humana ainda não foi medida direito – mas há algumas coisas que você pode fazer para acelerar sua jornada rumo ao estrelato de fundo de quintal. Estudando casos recentes da “cena indie” (seja lá o que isso for), este blog conseguiu encontrar algo em comum entre luminares do desenvolvimento independente e oferecer a vocês 5 sugestões para tentar repetir o mesmo sucesso! 

1 - Trabalhe algum  tempo como jornalista de games, depois saia e arrume alguém para fazer todo o trabalho duro de programação e arte para você. Sim, você vai passar algum tempo ganhando muito mal, mas os contatos valerão ouro depois. E não, arrumar gente talentosa não é necessário… Mas se conseguir, os resultados serão potencializados. De repente sobra até um prêmio de Melhor Trilha Sonora do Ano ou algo do gênero para você!

2 - Se você não consegue escrever nem bula de remédio, faça amizade com jornalistas de games e pague bebidas pra eles enquanto fica de mimimi sobre como nenhum grande estúdio leva o seu currículo/portfólio a sério. Essa última parte é importante, já que a maioria dos jornalistas da área entende essa frustração – afinal, eles estão lá porque nenhum veículo de comunicação maior os contrataria nem para escrever obituário, quando mais para o caderno cultural… Enfim. Se optar por esse método, saiba que ele é especialmente eficaz com jornalistas californianos largadões que se acham os Hunter S. Thompsons do jornalismo de games graças aos seus podcasts de 3 horas sobre como preparar cachorro-quente com chili ou algo igualmente relevante para o mundo dos games.

3 - Suborne alguém para conseguir fazer parte de um debate em algum evento de desenvolvedores de games e aproveite a primeira chance que tiver para descer a lenha em alguém presente. Funciona maravilhosamente bem se esse alguém for um visitante estrangeiro. Você vai aparecer mais na imprensa (e gerar publicidade para o seu jogo) do que muito departamento de marketing mainstream jamais conseguiu. 

 

(1-Poupança do papai, 2-Roupas vintage, 3-Acessórios caros, 4-Música aprovada pelo site Pitchfork. 5-Produtos da Apple, 6-Auto-importância nada merecida)

4 - Pegue um conceito bem básico da história dos games, preferencialmente algo que atice a nostalgia burra de muitos hipsters, e deixe-o mais “inteligente”. Note as aspas: mesmo que você seja um raríssimo caso de desenvolvedor indie que realmente leu Dostoievsky, assistiu toda a filmografia do Kubrick ou tem nível de cultura equivalente, não vá longe demais ou perderá seu público principal: jornalistas hipsters. Um jogo de plataforma engraçadinho com uma fase inspirada em Escher já será o suficiente.

5 - Se todos os métodos acima falharem, é hora de apelar: copie um jogo ainda desconhecido e dê uma ligada para a Zynga. E se nem isso der certo, meu amigo, minha amiga… Desiste e faz o contrário: copie um jogo BEM conhecido e ligue para a Gameloft…

fonte: regames.wordpress.com

DonutScore

Número de Mensagens : 176
Idade : 23
Data de inscrição : 18/12/2013
Reputação : 6
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

http://donutscore.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 5 maneiras de ser um desenvolvedor indie de Sucess

Mensagem por Tedi Ripper em Sex 04 Abr 2014, 13:41

Eu amei essas dicas, principalmente a parte da Gameloft no final kkk

Mas Não vamos esquecer que Minecraft e Limbo são Indies de sucesso, então valem apenas como dicas, ainda mais se você é um completo retardado que não sabe criar jogos. kkk

A parte do jornalista de jogos é interessante porque você adquire um bom conhecimento sobre outros jogos e cria um leque maior de ideias na mente, e ja consegue prever se algumas ideias podem dar certo ou não, em qualquer caso, o mundo dos jogos está sempre mudando, então ainda assim é perigoso.

Valeu o post pela comedia, mas eu não sigo as dicas. Sempre confie seu salario em outra coisa, Games são muito bons como Hobbies, mas é perigoso investir sua vida neles!

Flw flw

Tedi Ripper

Ranking : Nota C
Número de Mensagens : 765
Idade : 19
Data de inscrição : 21/11/2010
Notas recebidas : C
Reputação : 24
Insignia 1 x 0 Insignia 2 x 0 Insignia 3 x 0
Prêmios
   : 0
   : 0
   : 0

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum